Arquivado em la Categoría » Decoração de quartos infantis «

quarta-feira, dezembro 19th, 2012 | Author:

O tema da decoração do quarto de Maria Beatriz, de 3 anos, foi escolhida pela mamãe Ingrid para mostrar todo o seu amor peia princesinha. Assim, diversos corações coloridos foram dispostos nas paredes, na cortina, na roupa de cama e até no tapete. Na parte superior das paredes, que receberam papel na cor azul e border com apliques em papel machê, três lindas fadinhas retratam um mundo cheio de magia. A bicama, em laca branca, traz grades que protegem a garota e, ao lado dela, uma minicadeira acomoda uma pequena fada. Já na parede oposta, a bancada de estudos conta com espaço para o futuro computador e gavetas para guardar acessórios. O móvel conta ainda com prateleiras para todos os bichinhos de pelúcia, aparelho de som, CDs e livros. Seguindo a tradição holandesa, um prato de porcelana registra o nome, a data, o horário e o local do nascimento de Maria Beatriz e, sobre a bancada, um quadro bordado em ponto cruz foi presente da titia Karen enviado da Holanda para a sobrinha. A confecção da roupa de cama acompanha o bando em algodão, que se destaca sobre a cortina em voil branco. O destaque fica para o tapete, feito em patchwork em forma de coração. O piso vinílico finaliza a decoração, levando praticidade e claridade ao espaço.
Cama, Quarto & Etc; piso, Vinilana; papel de parede, Paper.com; armário, grade da cama, mesa lateral e bancada de estudos, Modilon Móveis; border, tapete, confecção da roupa de cama, bando, cortina, fadas da parede, minicadeira, abajur e bonecas, Dip en Dap.

Compartilhe no:
  • Orkut
sábado, setembro 29th, 2012 | Author:

Com a chegada do segundo filho chega também a dúvida. Qual o melhor lugar para ele numa casa de dois quartos? Será o quarto dos pais? Ou ele deve ficar com o irmão mais velho?
Em princípio, é aconselhável que o bebê não fique no quarto dos pais. O casal tem sua própria vida, seus próprios hábitos, que o bebê certamente vai mudar. Muitas vezes, o filho interfere no relacionamento do casal a tal ponto que mãe e bebê acabam formando outro par. Tudo isso faz mal tanto para o bebê quanto para o casal. Além disso, toda a criança passa pelo complexo de Édipo — deseja formar um par com a mãe e se rivaliza com o pai, ou viceversa —, que deve estar parcialmente resolvido até os 7 anos de idade. Essa divisão do mesmo espaço acaba por perturbar seu bom desenvolvimento.
Por tudo isso, e sobretudo se a diferença de idade entre os irmãos for pequena, o bebê deve ir para o quarto do mais velho. Problemas como diferenças de horários entre os dois poderão ser contornados e as crianças têm seus próprios mecanismos de defesa para não serem importunadas pelo choro noturno do recém-chegado, por exemplo. O ciúme que o mais velho sente pelo mais novo é inevitável e independe do quarto em que fique o nenê. No entanto, é útil para que o primeiro filho já vá entrando em contato com a realidade da vida.
O mais importante de tudo é que os pais preparem o filho mais velho para a chegada do irmãozi-nho. Devem deixá-lo participar das decisões e da expectativa da espera. Devem mostrar-lhe sua influência sobre o bebê e dar-lhe tarefas auxiliares no trabalho com o mais novo.
Quanto à disposição dos móveis, o ideal é criar ambientes separados para os dois. Se houver disponibilidade, pense até numa divisória para manter a individualidade de cada um. Algo leve, como uma cortina tipo painel ou rolo, ou um pouco mais pesada, como uma treliça de madeira. Lembre-se de que ela deve deixar passar luz e ventilação para os dois ambientes. Se isso não for possível, crie um cantinho para cada um, delimitado por suas próprias camas, móveis e brinquedos.

Compartilhe no:
  • Orkut
terça-feira, setembro 25th, 2012 | Author:

Atualmente, há uma boa variedade de pisos práticos e vistosos, como os laminados, emborrachados e autocolantes. Caso você more num local muito quente, opte tranqüilamente por um deles. Em cidades de clima mais ameno, eles podem ser usados juntamente com um tapete, disposto no espaço de maior permanência do bebê. Se a sua escolha recair em forrações, as de náilon são as mais indicadas. Dê preferência às cores claras, fáceis de serem limpas. Tons escuros dificilmente se recuperam, dependendo da sujeira que recebem.

Compartilhe no:
  • Orkut
sexta-feira, agosto 24th, 2012 | Author:

Os tons suaves deste quarto convidam os olhos a acompanhar a meia-parede, revestida com papel importado da Carpaghi. E o motivo continua até o guarda-roupa. Criação de Marley P. Gerab.

Compartilhe no:
  • Orkut
terça-feira, agosto 14th, 2012 | Author:

Um cavalinho trazido de Miami deu forma à idéia de Diucléia M. Serena, que fez nascer um quarto-carrossel. E não faltou imaginação na pintura de parede, assinada por Maria Teresa Vidaf Figueiredo. O berço de latão, peça de família, fica lado a lado com a cômoda-trocador. Cortinas A. Martins, tecidos TDS.

Compartilhe no:
  • Orkut
segunda-feira, agosto 06th, 2012 | Author:

O lustre branco tem algumas flores de ferro em lilas com folhas verdes. O abajur também segué o mesmo modelo e apesar de serem de ferro, nao sao objetos pesados. Já a poltrona com listras, ganhou urna almofada de amamentagao e urna boneca de paño. Ao lado está o módulo com gavetas de vime, em cima dele urna casinha de cachorro com o pelúcia cor-de-rosa e um vasinho com pétalas em tecido de algodao enriquecem ainda mais este lindo quarto.

Compartilhe no:
  • Orkut
terça-feira, julho 03rd, 2012 | Author:

Quarto clean e charmoso para abrigar dois irmãozinhos sapecas.

Para o quarto do pequeno Rodrigo, agora com quatro meses, a mamãe Raquel já tinha em mente o tema. Como adora ursos não lhe restaram dúvidas na hora de escolher. Os mesmos elementos tinham sido usados para o ambiente de seu segundofilho, Felipe, de 4anos, que agora divide o quarto com Rodrigo. Já o primeiro, Alexandre, que hoje está com 11 anos, curte os ursinhos com os irmãos e aprovou a decoração.
A família mudou-se há pouco tempo para este novo apartamento e para as paredes do quarto dos pequenos, optaram pelas cores azul e bege. Todos os móveis (berço, cômoda e cama) foram herança de Felipe, assim como o kit de higiene branco de vime sintético, comprado na Babylãndia, que é prático e muito útil, além do trocador plastificado. A janela recebeu uma cortina branca, fixada ao varão por alças com botões azuis. Confeccionada pela loja Lalalila Bebês a peça traz um interessante detalhe: duas bandeiras azuis com bolsos e ursinhos dentro vestindo suspensórios, feitos de algodão. Os protetores do berço também trazem os ursos, além do belo detalhe em origami (pequenas nervuras que se encontram em pontos azuis). O kit de berço, de tecido pique, ainda conta com edredom e uma saia com detalhe em prega macho. Para completar, um mobile musical de ursinhos, da loja Etna e uma almofadinha de oração, da La La Li la Babes foram pendurados no berço.
A cama de Felipe já estava decorada com ursinhos, mas também ganhou novos elementos como, uma colcha em pique, uma almofada de urso, que ganhou de presente e um grande boneco, que sua avó mandou fazer especialmente para ele quando viajou para o Mato Grosso. O quarto é clean, sem muitos móveis e tampouco brinquedos espalhados, possibilitando que os pequenos tenham mais espaço para brincar no tapete colorido de EVA.
Na parede estão os enfeites de porta maternidade de Felipe, onde aparece um ursinho empinando pipa e de Rodrigo, no qual outro ursinho se diverte com vários brinquedos, este da loja La la li la Bebês. Já na parede em cima do berço foi pendurado outro quadro com ursinhos em relevo, que já fazia parte do quarto de Felipe e um amuleto que Raquel ganhou da sua avó e certamente protegerá os dois anjinhos que dividem esse lindo ambiente.

Compartilhe no:
  • Orkut
domingo, maio 13th, 2012 | Author:

Nem só pelos móveis e acessórios destaca-se a madeira no quarto do bebê. Ela pode – e deve -fazer bonito no piso e até nas paredes por meio de diferentes acabamentos.

Quando a família mudou-se para um novo apartamento, foi preciso adequar o espaço às mais variadas necessidades e aos estilos dos moradores. Nesta missão, coube à arquiteta Miriam Dalla Val-le incluir, no meio da reforma, o projeto de um quarto de bebê para receber mais um membro. Desse modo, revitalizar piso, rodapé e rodateto, todos desenhados previamente, pediu adequação às linhas retas dos móveis. De tom natural no piso, ou por meio de recortes de MDF pintados e inseridos à decoração das paredes, a madeira foi a responsável por tornar a ambientação mais quente e acolhedora.

Compartilhe no:
  • Orkut
segunda-feira, maio 07th, 2012 | Author:

O papel de parede na cor bege, com seu efeito de leve brilho, compõem perfeitamente com o piso laminado em tom natural.

Compartilhe no:
  • Orkut
sexta-feira, abril 06th, 2012 | Author:

A caixa de prata traz uma vela aromatizada que pode ser usada, também, como lembrancinha.  Também em destaque, colar de ouro amarelo com medalha do anjo protetor como pingente. Júlio Okubo, preço sob consulta. Completam, ainda, o cardigã masculino na cor creme, fechado por botões de madrepérola. Paola da Vinci, R$ 55,50; e o terço de ouro branco trabalhado. Rosana Chinche, preço sob consulta.

Compartilhe no:
  • Orkut